Desafio do Closet – Final

Pode não parecer, mas o desafio ao qual me propus acabou em 31/03/2018. Quase não escrevi por aqui devido a correria da vida, mas sempre que dava um ou outro look aparecia nessas páginas.

O Objetivo principal do desafio do Closet era evitar comprar e tentar criar a maior variedade de looks apenas com o que se possui no armário.

Confesso que pensei que não conseguiria, afinal sempre fui uma compradora compulsiva, mas me surpreendi com o resultado final. Não comprei nenhuma peça durante o período.

Mas para mim foi muito além deixar de comprar, abriu meus olhos para o que eu não queria enxergar:

Tenho coisas demais.

Foi um verdadeiro aprendizado e uma completa revisão de valores.

Também aprendi algumas coisas:

1 – Roupa nova não é sinal de felicidade;

Aquela sensação de satisfação quando saímos da loja cheias de sacolas, acaba assim que olhamos e percebemos que a maioria não faz nosso estilo.

2 – Qualidade precisa vir antes da quantidade;

A qualidade das peças é um fator a se considerar, vale a pena investir em algo que dure  mais tempo e seja atemporal.

3 – Menos as vezes é melhor;

Quanto mais temos, fica mais difícil visualizar, gerando a sensação de que não temos roupas,  nos levando a comprar ainda mais. Então um armário mais enxuto com peças que se completem é melhor que um armário entulhado.

4 – Tendências nem sempre são para ser seguidas;

Afinal de contas nem sempre queremos ser igual ao outro.

5 – Criatividade é a alma do negócio;

Com certas limitações, precisamos nos reiventar e assim a criatividade é sempre bem vinda, usar aquela peça de uma maneira completamente diferente, pode ser bom no fim das contas.

6 – Comprar deixou de ser necessário.

Confesso que depois do fim saí com a clara intenção de fazer comprar e sair com as sacolas cheias e o cartão vazio, mas por incrível que pareça, volte de mão vazias.

Sem neuras, sem culpa e principalmente sem vontade de comprar, e esse foi o maior aprendizado que tive.

Com certeza vou continuar, o objetivo agora é chegar ao fim do ano sem compras e tentar aderir ao armário cápsula

 

Beijokas.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *